Viajante Gourmet: 10 Comidas típicas do Chile para experimentar quando você for

32
Ceviche: uma das comidas típicas do Chile
Ceviches deliciosos no Chile. Foto: GC/Blog Vambora!

Tive a chance de experimentar diversas comidas típicas do Chile, nas últimas viagens que fiz para o país, de norte ao sul. Se a fama diz que se come e se bebe muito bem por lá, in loco posso dizer que adorei praticamente tudo! Até com algumas restrições, consegui comer muitíssimo bem e trazer de volta uns quilinhos a mais na mala…Pois é, faz parte, porque o maior pecado quando você for viajar para o Chile, seria não experimentar ao máximo essas comidas típicas, incluindo até algumas que a principio, podem de deixar meio dúvida (até porque quem come Feijoada, não deveria ter medo de experimentar nada, em nenhum lugar do mundo! rs).

Vambora descobrir então quais são algumas das mais famosas comidas típicas do Chile que você deveria experimentar quando for:

10-) Pastel de Choclo

Pastel de Choclo
Pastel de Choclo. Foto: rverscha, Flickr

Já aviso (e pela foto) dá para ver que de Pastel (como conhecemos aqui no Brasil) não tem nada. É na verdade uma espécie de escondidinho, com uma massa de milho meio adocicado (o choclo) por cima e recheio de carne, muitas vezes também com frango, ovos, passas, azeitona, etc. Experimentei uma versão mais “modernosa”, o que me lembrou muito a nossa pamonha, puxando sempre para o sabor mais doce. Gostei, mas sei de gente também que não curtiu muito. Então resumindo, tem que experimentar para tirar a sua própria conclusão.

+ Veja também: Chip internacional para usar o celular no exterior

9-) Curanto

Curanto
Curanto, comida tipica da região de Chiloé, no Chile. Foto: GC/Blog Vambora!

Esse é um prato típico da Ilha de Chiloé, no sul do Chile, que eu tive a chance de conhecer nessa última viagem que fiz ao país. É um grande cozido de mariscos e carnes, feito sobre pedras quentes e cobertos com camadas de folhas de uma planta local chamada nalca, tudo feito geralmente embaixo da terra. Entre as camadas de folhas e carnes há também espécies de pãezinhos, uns só de batata e outros batata e farinha para servir de acompanhamento dos outros ingredientes. Comida típica que não se encontra em nenhum outro lugar do mundo, só em Chiloé no Chile.

+ Veja: Um segredo no Chile chamado Chiloé

8 -) Congrio, salmão, mariscos e frutos do mar

Salmão chileno
Prato de salmão: é muito mais gostoso por lá. Foto: GC/Blog Vambora!

Com mais de 6400km de costa, não seria estranho que peixes e frutos do mar sejam uma das mais famosas comidas típicas do Chile. Será comum encontrá-los em diversas preparações (como você verá abaixo), mas como são tão usuais no dia a dia, podem ser encontrados em pratos diversos, sendo portando pelo menos bom saber do que se trata. Entre os peixes o Congrio, de carne branca é o mais comum de ser encontrado em qualquer restaurante, juntamente com o Salmão. O primeiro tem uma textura tenra mas bem leve, já o segundo (meu chodó) é um dos principais produtos de exportação do Chile (sendo inclusive, a maioria do que consumimos aqui no Brasil), mas comer lá in loco, fresco, tem realmente um sabor muito, mas muito mais especial. Vale experimentar pelo menos uma vez um prato com cada um.

Entre os frutos do mar e mariscos a variedade é imensa! Cito aqui alguns dos mais comuns e diferentes, que normalmente não encontramos aqui no Brasil: o loco (molusco redondo e carnudo), macha (molusco de cor avermelhada) e centolla (se pronuncia centolhas), uma espécie de caranguejo gigante bem famoso no país também, mas meio caro.

+ Veja também: Para ver pinguins no Chile: As Pingüineras de Chiloé

7-) Ceviche

Ceviche chileno
Ceviche chileno. Foto: _Tola_, Flickr

O ceviche (que na verdade se pronuncia CeBiche) tem origem no Peru, mas se espalhou por grande parte da America Latina, especialmente nos países voltados para o Pacífico, como Colômbia e é claro o Chile. Essencialmente é um prato de peixe cru que fica marinando (até praticamente cozinhar) no suco de limão.

No Chile, além do peixe branco, se faz Ceviche com Salmão e mariscos. Na receita clássica chilena ainda vai cebola, coentro, pimentão e pimenta. É uma delícia, mas por se tratar de peixe, tente experimentar em locais onde possa encontrá-lo bem fresco, como mercados e restaurantes (especialmente os da costa). Dá toda diferença!

+ Seguro Viagem para o Chile com desconto 

6-) Empanadas

empanada chilena
Empanada chilena de queijo e camarão. Foto: GC/Blog Vambora!

As empanadas são também um prato comum em quase toda América Latina, mas ganham no Chile um toque diferente. Foi no país, que achei a empanada bem parecida com o nosso pastel aqui do Brasil, só que com uma massa um pouquinho mais grossa.

Normalmente frita, pode ter os mais variados recheios, dependendo da região do Chile que você estiver. As mais clássicas são as empanadas de queijo, carne mas cheguei ver até empanadas de camarão, mariscos e centolla.

As paisagens extraterrestres do Deserto do Atacama

5-) Asado

Asado chileno
Asado típico chileno. Foto: GC/Blog Vambora!

Depois do Salmão, os asados chilenos foram o grande motivo da minha gula no Chile. Nas regiões mais interioranas do país comer o asado é quase como uma cerimônia, no qual o “asador” de madeira ou de metal, fica no centro do ambiente e o parrillero (quem faz) cuida de tudo com muito cuidado, girando e assando as carnes por horas, controlando o fogo, o que dá um sabor mais do que especial. Além de carne bovina é comum também ter cordeiro, frango, porco e lingüiças. É uma grande festa deliciosa, acompanhada muitas vezes de vinho e pisco (veja abaixo).

+ Cruce Andino: Como é a famosa Travessia dos Lagos Andinos no Chile

4-) Pisco

Pisco Sour
Pisco Sour versão chilena. Foto: GC/Blog Vambpra!

Se no Brasil temos a Capirinha, no Chile a bebida nacional (pelo menos pelos olhos turísticos) é o Pisco Sour. “Pisco” é o nome da bebida feita de aguardente de uva, “Sour” é quando se acrescenta limão, açúcar, clara de ovo, angostura (uma bebida amarga e aromática) e gelo. Peru e Chile disputam a verdadeira origem da bebida, mas a verdade é que a maior diferença dos dois é que no Chile, a espuminha de clara de ovo (que fica no topo do drink) é bem menor que a peruana.

Vinhos Chilenos: Onde é melhor comprar e como trazer para o Brasil

 3-) Mote con huesillos

Mote con huesillos
Mote con huesillos. Foto: GC/Blog Vambora!

Parece estranho num primeiro olhar, mas é uma bebida não alcoólica bem doce, que quase serve como sobremesa, encontrada em muitos lugares do país mas especialmente facilmente achada na capital Santiago. É feita de pêssego (huesillos) e mote, um grão de trigo, todos cozidos juntos em água e açúcar. Bebe-se bem gelado e o ideal é comer tudo depois com uma colherzinha. Eu só consegui comer o pêssego, o trigo, honestamente, não gostei muito não rs.

Vinhos Chilenos: Regiões produtoras e dicas de rótulos para experimentar

2-) Suco de framboesas

Suco de Framboesas
Não aguentei e tomei quase tudo antes de tirar a foto..ops.. ;-). Foto: GC/Blog Vambora!

Um dos meus maiores vícios durante todas as vezes que fui ao Chile. Difícil explicar como algo tão simples pode ser tão bom, mas só sei que o suco de Framboesas é encontrado praticamente em todo o país, do café da manhã até no restaurante mais chique e a chance de se decepcionar é muito pequena.

Viagem para o Atacama: Todas as dicas para viajar bem preparado

1-) Nozes e frutas secas

Amendoim no chile
Amendoim no Chile só com passas! Foto: GC/Blog Vambora!

Achei isso curioso: num bar, dentro do avião e até mesmo no supermercado, o amendoim nosso aqui de cada dia, no Chile é mais uma mistura agridoce de passas, castanha de caju, nozes, amêndoa, avelãs, ameixa seca e amendoim. Pode ser que falte um ou outro ingrediente, mas é certo que toda vez que você for comer amendoim ou qualquer outro tipo de noz por lá, ela vai vir acompanhada de algum elemento doce, como passas ou outra fruta seca. É bom, mas devo dizer que em certas horas senti saudade do salgadinho brasileiro. 😉

E é claro que não se pode esquecer os vinhos chilenos, tão famosos e especiais que fizemos dois posts só sobre eles, de como escolher os melhores vinhos chilenos até dicas de como trazer os vinhos para o Brasil. 

Vambora então comer muito bem e experimentar essas comidas típicas do Chile? Quem já provou algumas dessas e gostou?!

*** Veja mais dicas do CHILE publicadas no blog:
TODAS as dicas do CHILE no blog
Aluguel de Carro no Chile
Seguro viagem com desconto para viajar ao Chile

Planeje aqui a sua viagem!

SEGURO DE VIAGEM: Seguro viagem com desconto para leitores do blog! Faça sua cotação na Seguros Promo para encontrar o seguro viagem com melhor preço. Leitores do blog tem 5% de desconto, além de poder parcelar no cartão em até 12x ou 5% a mais no boleto! Veja mais aqui.
HOTEL: Encontre promoções e reserve seu hotel pelo nosso parceiro Booking.
ALUGUEL DE CARRO: Compare preços nas melhores locadoras e reserve o carro na RentCars. A cobrança é feita em reais em qualquer local do mundo e você ainda vai poder dividir em 12x no cartão ou ter 5% de desconto no boleto.
CHIP DE CELULAR: Chip internacional pré pago para usar em 140 países com frete grátis para leitores do blog da EasySim. Veja mais.
PASSAGEM AÉREA: Promoções de passagens e compare os melhores preços na ViajaNet.
CÂMBIO: Moeda estrangeira com desconto especial para leitores do blog na Cotação. Veja mais.
INGRESSOS E ATRAÇÕES: Evite filas e já saia do Brasil com ingressos de museus, passeios e atrações pela Ticketbar. Veja mais.

32 COMENTÁRIOS

  1. Mote com huesillos não é uma bebida. É sim, uma sobremesa deliciosa.
    Se vc tomar o caldo e deixar o mote pra comer seco é ruim, mas se comer junto com o caldo é muito bom.

    • Olá,
      Na verdade ela é considerada uma bebida mesmo pelos chilenos (vem até com canudinho :-D) mas é claro, que pode ter outras percepções.
      Mas achei o mesmo que você: melhor não tomar o caldo antes mas comer junto com os grãos, fica melhor! 🙂
      Abs!

  2. Uma pequena “correção”…o nome “CENTOLLA” em português se pronuncia “CENTOJA” e não “CENTOLHA”…a letra espanhola “LL”, o duplo L ou L duplo, tem o mesmo som do “J” português…Aqui no Brasil, como não existe o L duplo, usamos o LH para palavras como LHAMA, GUILHERME, CAVALHEIRO, etc, etc…mas, quando se trata de reproduzir o som de uma palavra “espanhola” escrita com o (L duplo), como LLAMA, GUILLERMO e CABALLERO….devemos pronunciar o som da letra (L duplo), como se fosse um “J” português, então a palavra LLAMA para pronunciar ela corretamente em espanhol, seria “JAMA”, GUILLERMO seria “GUIJERMO” e CABALLERO seria “CABAJERO”….fica a dica.

  3. Olá. Estou olhando alguns passeios e vejo que as passagens e hotéis em Agosto estão até um pouco mais em conta pra mim do que pro Nordeste do Brasil. Tenho muita vontade de conhecer o Chile, ainda mais depois de ler suas dicas.
    Meu medo, na verdade, é sobre valores de alimentação, pois vou com a família.
    Você sabe me dizer se em Agosto, os valores dos restaurantes são mais caros pela temporada de neve? É que vi em vários lugares que agosto não é alta temporada, porém, já me disseram que é a melhor época pra neve.. então temo, chegar numa época em que tudo está absurdamente caro. Quanto aos passeios, vi num valor em dólares, a mesma média de preço daqui, mas acho que dá pra fazer muita coisa sozinhos, independente de agências. Última pergunta: é muito perigoso? Digo, em relação a andar a pé pelos lugares, etc.. Fui para Buenos Aires e andei bastante de ônibus, trem e a pé, não vi nada de mais e fui muito bem recebida nos lugares.
    Desde já, agradeço e amei as dicas.
    Grata!

    • Olá Hellen,
      Que bom que está gostando das dicas aqui do Vambora!
      Sobre suas dúvidas:
      – Os preços não tendem a subir nos restaurantes, talvez em estações de ski possa encontrar preços maiores pois será ainda temporada de neve.
      – Dá para vocês fazerem muitas coisas sozinhos sim, o turismo no Chile das atrações é muito fácil e organizado.
      – E comparado ao Brasil, o Chile não é perigoso, pode ficar tranquila. É claro que ter atenção aos pertences, se informar no hotel sobre andar a noite é sempre bom, mas em geral é super tranquilo e seguro viajar pelo Chile, usar transporte público, etc.
      Espero ter ajudado!
      Boa viagem!

  4. Adorei estás dicas pois estou pensando em ir ao Chile com minha mulher, mas estou meio assim pois minha mulher é muito insegura. Mas estou querendo ir no verão, estava pensando em final de janeiro 2018. O que vcs me dizem. Muda muito os valores. Ou deveria ir em outra época?. Gostaria de poder ter contato com alguém do Chile pra poder saber mas , ou até mesmo sair aí quando estiver aí.

  5. Olá, muito boa sua matéria! A gastronomia Chilena é fantástica. Quanto estiver aqui no Chile não deixe de comer as empanadas, tomar um pisco, o Mote con huesillos tem um delicioso no alto do Cerro de Santa Lucia (dos um pontos turísticos bem conhecido). A Parrilla, como o assado, mas um conjunto de carnes e linguiças, também é muito bom! Recomendo comer ela no Restaurante Galindo, fica em Bellavista de esquina. Os preços são muito bons! Até a próxima!

  6. Fui ao Chile em Agoste deste ano e posso dizer que fiquei maravilhada. Sinto muitas saudades. Desta lista eu experimentei: Mote con huesillos (não gostei), Nozes e frutas secas (ganhei no avião), asado, Pisco (trouxe uma garrafa) e as queridas Empanadas que são muito boas, principalmente uma que vende no caminho voltando de Cajon Del Maipo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, coloque seu comentário!
Por favor insira seu nome aqui