Roteiro cultural: Castelo de Praga, uma visita ao maior castelo do mundo!

0
Ponte Carlos e Castelo de Praga
Castelo de Praga visto da Ponte Carlos em Praga. Foto: GC/Blog Vambora!

Eu não imaginava mas realmente é verdade: o Castelo de Praga é considerado pelo Guinness Book o maior castelo do mundo!! Isso porque o Castelo de Praga não é simplesmente apenas “um castelo” como a gente normalmente conhece e associa, mas sim um conjunto imenso de palácios, igrejas, jardins, museus e pátios que no total cobrem uma área maior do que sete campos do futebol! É mesmo impressionante!

Catedral de Sao Vito Castelo de Praga
Torres da Catedral de São Vito: o que todo mundo pensa que é o castelo é só parte dele! Foto: GC/Blog Vambora!

E o mais curioso é que ao contrário do que muita gente pensa, a visão mais famosa do castelo no alto da colina de Praga (como a da foto que abre o post), não é na verdade o Castelo de Praga, mas só uma parte dele, sendo somente as torres da Catedral de São Vito, uma de suas atrações mais famosas.

Pois é, para quem vai pela primeira vez para Praga e olha o castelo de longe, não tem ideia de que o Castelo de Praga é muito maior do que se possa imaginar! Depois dessas curiosidades, Vambora então saber mais sobre a história e como visitar esse, que é maior castelo do mundo!

Um pouco da história do Castelo de Praga

Monograma Rei Vladislav Jagiello Castelo de Praga
Monograma do Rei Vladislav Jagiello com a data de 1500, pintado numa das paredes do Antigo Palácio Real. Foto: Reprodução/http://www.hrad.cz/

A história do início da construção do Castelo de Praga se dá por volta do ano de 880, pelo Príncipe Bořivoj, que começou as primeiras fortificações no local. Nos anos seguintes, outros governantes continuaram a aumentar e adicionar partes ao castelo, o que dá a construção uma cara meio eclética, com uma mistura de vários estilos arquitetônicos (do românico ao gótico), sendo num primeiro olhar difícil até dizer que todas essas construções fazem parte do mesmo complexo. Aliás, desde o início de sua construção o castelo sempre foi a sede do governo, bem como local oficial de moradia do chefe de estado.

Entre muitas construções e reformas ao longo dos séculos, uma das maiores e mais recentes foi feita em 1920, tornando o local muito parecido com o que vemos hoje em dia. E além de ser o maior castelo do mundo, o Castelo de Praga é também considerado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, realmente um lugar único!

Principais atrações do Castelo de Praga

Como disse acima, o Castelo de Praga é um imenso conjunto de diversos edifícios, ruelas e jardins, praticamente uma pequena cidade dentro de Praga. Conhecer todas as atrações dele, diria que é quase impossível num dia só, mas existem algumas que se destacam e que são as mais visitadas pelos turistas que vão ao local, seja pela sua importância histórica, seja pela beleza e são elas que vale a pena você tentar conhecer quando for pela primeira vez ao castelo:

Catedral de Sao Vito
Catedral de São Vito no Castelo de Praga. Foto: GC/Blog Vambora!

-> Catedral de São Vito: Uma das maiores atrações do Castelo de Praga a Catedral de São Vito é mesmo de tirar o fôlego, tanto pela beleza, detalhes e história que guarda, já que demorou cerca de 600 anos para ficar completamente pronta. Entre tantas histórias e detalhes, destaca-se o vitral do artista art nouveau Alfons Mucha (super moderno, nesse edifício tão antigo), a tumba de São João Nepomuceno feita toda de prata (ao todo foram usadas 2 toneladas!!) e a Capela de São Venceslau (com painéis folhados a ouro e pedras semi preciosas), onde há também o acesso a câmara onde estão guardadas a sete chaves as jóias da Coroa Tcheca (cujas réplicas podem ser vistas na exposição “História do Castelo de Praga”, no Antigo Palácio Real – ver abaixo).

Joias da Coroa Castelo de Praga
Um das joias da exposição “História do Castelo de Praga”. Foto: Reprodução//www.hrad.cz

-> Antigo Palácio Real: Uma das partes mais antigas do Castelo de Praga (de 1135) e que foi para mim um dos locais com mais “cara de castelo” de todo o complexo. Aqui a sensação é de realmente voltar no tempo das monarquias medievais. No salão principal imenso (chamado de Salão Vladislav, de estilo gótico), dá até para imaginar os banquetes, coroações que aconteciam com freqüência por lá. Ainda no mesmo complexo, há a Capela de Todos os Santos, linda também.

Basílica de St George
Basílica de St George. Foto: GC/Blog Vambora!

-> Basílica de St. George: Bem próxima da Catedral de São Vito, com seus tijolos vermelhos na fachada, é uma das mais antigas igrejas, construída no século 10, sendo que a parte de dentro é uma surpresa! Aqui fica bem claro o estilo eclético do Castelo de Praga.

Torre Daliborka e Golden Lane
Torre Daliborka e Golden Lane. Foto: GC/Blog Vambora!

-> Golden Lane ou Alameda Dourada: Um dos lugares mais “diferentes” do complexo, pois se trata de uma ruela com várias casinhas coloridas que ao longo dos séculos serviram para abrigar ourives, atiradores e guardiões do castelo no século XVI, até ser a residência de artistas no século XX (incluindo o famoso Franz Kafka, um dos maiores escritores de literatura moderna da República Tcheca e do mundo). Hoje em dia cada uma dessas casinhas retrata como era a vida dessas pessoas que moraram na Golden Lane ao longo dos séculos, bem como algumas lojas de souvenir e artesanato. Lá fica também a Torre Daliborka, que guarda uma exposição de armas e armaduras medievais, além de instrumentos de tortura usados na época.

Troca da Quarda Castelo de Praga
Pouco antes da troca da guarda numa das entradas do Castelo de Praga. Foto: GC/Blog Vambora!

-> Troca da Guarda: Sem necessidade de ingresso, nas entradas principais do castelo, ocorre uma troca da guarda a cada hora cheia, só que bem rápida e sem muita pompa. Já ao meio dia,  no primeiro pátio do Castelo de Praga, acontece uma troca da guarda mais animada, com direito a banda e tudo. Sempre fica bem cheio, atraindo muitos turistas curiosos.

Jardins do Castelo de Praga
Um dos jardins do Castelo de Praga. Foto: GC/Blog Vambora!

-> Jardins: Se o clima permitir, vale desbravar os lindos jardins do Castelo de Praga, com trilhas, terraços, etc. Não é preciso ingresso para visitar os jardins, porém eles só ficam abertos para visitação nos meses mais quentes do ano (de 1 de Abril até 31 de Outubro).

Outras atrações do Castelo de Praga são: o Palácio de Rosenberg (antigo palácio da família nobre Rosenberg e que depois virou residência para mulheres nobres no século XVIII), Palácio Lobkowicz (palácio da família nobre Lobkowicz, com exposições de arte e música), Torre da Pólvora (com uma exposição sobre a história militar do castelo) e o Museu do Brinquedo (segundo maior do tipo no mundo, com exemplares da Grécia até Barbies). Todas essas atrações são legais, mas na minha opinião (e de muita gente), são mais coadjuvantes em relação as outras listadas acima. Porém, há opções para todos conhecerem o que for de maior interesse pessoal e de acordo com o tempo disponível para conhecer o castelo. Para tanto há diferentes tipos de ingressos para o Castelo de Praga, confira abaixo.

Ingressos

Basílica de St George
Entrada da Basílica de St George. Foto: GC/Blog Vambora!

A entrada no castelo é gratuita, você pode entrar lá e andar por seus pátios, ruas e jardins sem pagar nada porém para visitar os edifícios históricos, igrejas, exposições e museus lá de dentro é preciso um ingresso, sendo basicamente duas opções que mais interessam os turistas, por incluírem as atrações mais procuradas e importantes do Castelo de Praga. Veja abaixo:

-> Ingresso Circuito A (maior e mais completo) que inclui: Catedral de São Vito, Antigo Palácio Real, a exposição permanente “A história do Castelo de Praga”, Basílica de St. George, Golden Lane com a Torre Daliborka, Torre da Pólvora e o Palácio de Rosenberg. (Valor = CZK 350)

-> Ingresso Circuito B (menor mas com as atrações essenciais) que inclui: Catedral de São Vito, Antigo Palácio Real, Basílica de St. George,  Golden Lane e a Torre Daliborka. (Valor = CZK 250).

Ambos os ingressos são válidos por 2 dias (o dia da compra e o seguinte), sendo que crianças (de 6 a 16 anos), estudantes, famílias e idosos (acima de 65 anos) tem desconto especial (crianças até 5 anos não pagam). Importante: para tirar fotos de dentro das atrações é preciso comprar junto com o ingresso uma autorização que custa CZK 50 (CZK = coroas tchecas).

Mapa Castelo de Praga
Mapa das atrações do Castelo de Prada. Foto: Reprodução/http://www.hrad.cz/

Há ainda mais 6 outros tipos de ingressos, só que de atrações específicas que acabam não valendo muito a pena pelo valor e são destinados para pessoas que já conhecem as principais atrações do castelo ou que querem ver alguma exposição ou atração mais específica. São eles: Circuito C (só para a exposição dos tesouros da Catedral de São Vito e Galeria do Castelo de Praga), outro para somente a exposição permanente “A história do Castelo de Praga”, outro para somente a exposição dos tesouros da Catedral de São Vito, outro só para a Galeria do Castelo de Praga, outro somente para a Torre da Pólvora e por último um ingresso para conhecer somente a Torre Sul e sua galeria.

A compra dos ingressos (de todos eles) se dá diretamente nos centros de informação e atendimento ao turista dentro do castelo (todos possuem indicação e estão localizados nos pátios centrais) ou nas bilheterias em algumas das entradas do Castelo de Praga, sempre facilmente localizadas.

Catedral de São Vito
Interior da linda Catedral de São Vito. Foto: GC/Blog Vambora!

Vale deixar pelo menos uma manhã ou tarde inteira para visitar o castelo (para quem for fazer o circuito mais curto) e pelo menos um dia inteiro para quem for fazer a visita mais longa, pois é realmente muita coisa para ver. Eu decidi fazer o circuito menor pelas atrações que gostaria de ver mais estarem todas inclusas nesse circuito, mas para quem tiver mais tempo e gostar de história, vale dedicar o circuito maior e o dia todo para o passeio.

Outra dica: há placas explicativas nas atrações porém é tanta história e detalhes que acaba sendo só um resumo e de difícil leitura (devido a quantidade de gente para poucas placas). Então, para quem quiser mais informações durante a visita, há a opção de pegar um Áudio Guide (CZK 350 por 3h ou CZK 450 por um dia todo, com versões em inglês, espanhol, italiano, francês, alemão e russo), porém como dá para ver, o preço do áudio guide é o mesmo valor (e até mais caro) do que o próprio ingresso, o que acaba pesando bastante no bolso. Outra opção pode ser fazer um tour guiado das atrações, tanto oferecido pelo próprio castelo (em inglês, espanhol, francês, italiano ou alemão por CZK 450) como por outras agencias que geralmente já incluem o valor do ingresso das atrações no tour (veja aqui).

Como chegar no Castelo de Praga

Praga é uma cidade muito gostosa para se andar a pé e estando hospedado no centro histórico (do outro lado do rio onde está o castelo) bem como no bairro de Malá Strana (do mesmo lado do Castelo) dá para ir até o Castelo de Praga a pé, incluindo com algumas ladeiras pelo caminho.

Mapa Como Chegar Castelo de Praga
Mapa mostrando as possíveis formas de como chegar ao Castelo de Praga. Foto: Reprodução/www.hrad.cz

Quem quiser o caminho mais fácil e rápido, dai vale usar o transporte público, sendo o tram ou metrô. A estação de metrô mais próxima ao castelo é a Malostranská, que depois de alguns metros dá acesso a uma escadaria longa (a antiga escadaria do castelo), mas com patamares relativamente suaves até a entrada leste, que foi a que fiz. De tram, a caminhada até a entrada é mais tranquila, sendo a mais usada pelos turistas (então geralmente a mais cheia): usando o tram número 22, desça da estação Pražský hrad, andando depois só uns 5 minutos praticamente no reto.

Há ainda outras opções de como chegar que você pode conferir no próprio site oficial do Castelo de Praga, veja aqui: http://www.hrad.cz/en/prague-castle/prague-castle-tourist-information/how-to-get-to-prague-castle.shtml

Dicas finais

Vista Castelo de Praga
Praga vista do Castelo. Foto: GC/Blog Vambora!

-> Há alguns restaurantes e lanchonetes dentro do Castelo de Praga, mas nada muito excepcional que valha os preços inflacionados devido a imensa quantidade de turistas no local. Como o ingresso permite sair e voltar do complexo sem problemas, se puder, saia para almoçar nas redondezas. Eu por exemplo nesse dia conheci um restaurante chamado 500 Restaurant (que tem um carro Cinquecento bem na entrada interna), de comida italiana com toques modernos e tchecos, bom preço, decoração descolada e excelente qualidade! Quem quiser vale conferir (tem cardápio em inglês, ufa!).

-> O melhor horário para visitar o castelo é logo cedo, assim que as atrações abrem (por volta das 9h). O castelo em si abre mais cedo (no verão às 5h e no inverno às 6h) e fecha bem a noite (no verão à meia noite e no inverno às 23h), o que pode ser uma boa desculpa para ver o nascer ou por do sol lá de suas colinas, com lindas vistas de Praga.

-> A quantidade de turistas é impressionante então quando mais cedo chegar melhor, só vale ficar atento ao horário de abertura das atrações que variam um pouco entre si, especialmente a Catedral de São Vito, que aos domingos, por exemplo, tem um horário diferenciado para visitas. Aqui você consegue ver todos os horários: http://www.hrad.cz/en/prague-castle/prague-castle-tourist-information/opening-hours.shtml

Pronto! Um post super completo para esse que é considerado o maior Castelo do mundo! Um daqueles passeios que em Praga, você tem que fazer. Vambora?!

+ info: Site oficial do Castelo de Praga http://www.hrad.cz/en/prague-castle/prague-castle-tourist-information/visit-of-prague-castle.shtml

*** VEJA MAIS DICAS DE PRAGA:
Free Walking Tour em Praga
Praga, como não se apaixonar?
Viagem para Alemanha, Holanda e República Tcheca!

Planeje aqui a sua viagem!

SEGURO DE VIAGEM: Seguro viagem com desconto para leitores do blog! Faça sua cotação na Seguros Promo para encontrar o seguro viagem com melhor preço. Leitores do blog tem 5% de desconto, além de poder parcelar no cartão em até 12x ou 5% a mais no boleto! Veja mais aqui.
HOTEL: Encontre promoções e reserve seu hotel pelo nosso parceiro Booking.
ALUGUEL DE CARRO: Compare preços nas melhores locadoras e reserve o carro na RentCars. A cobrança é feita em reais em qualquer local do mundo e você ainda vai poder dividir em 12x no cartão ou ter 5% de desconto no boleto.
CHIP DE CELULAR: Chip internacional pré pago para usar em 140 países com frete grátis para leitores do blog da EasySim. Veja mais.
PASSAGEM AÉREA: Promoções de passagens e compare os melhores preços na ViajaNet.
CÂMBIO: Moeda estrangeira com desconto especial para leitores do blog na Cotação. Veja mais.
INGRESSOS E ATRAÇÕES: Evite filas e já saia do Brasil com ingressos de museus, passeios e atrações pela Ticketbar. Veja mais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, coloque seu comentário!
Por favor insira seu nome aqui